Repensando Deus

Em algum momento de nossas vidas acontece um despertar, geralmente esse despertar vem acompanhado de algum sofrimento, porque é o sofrimento que nos faz querer mudar, é ele que nos transforma.  Muitas vezes duvidamos da existência de um Deus quando sofremos, quando vemos tanto sofrimento no mundo. E só existem duas alternativas: Uma é que Ele não existe mesmo, que tudo acontece por uma sucessões de acasos e fatos aleatórios. A outra é que se Ele existe deve haver uma explicação para que o mundo seja como ele é, onde uns sofrem mais que outros, uns são pobres e outros ricos, as crianças que nascem com doenças graves, pois se não Deus teria que ser algo cruel, injusto, sem amor. Será que Deus não existe e tudo é obra da fatalidade, de leis físicas que regem o universo? Se pensarmos assim seria mais fácil, bastaria o suicídio, e aí pronto, tudo estaria resolvido. Eu não acredito nessa hipótese, não acredito na inexistência de Deus. Não acredito também que Deus seja uma criatura consciente, poderia ser um inconsciente com os instintos puros, movido puramente pelo amor. Deus é como o ar. É como a luz. Está em toda parte gerando, dando vida a todas as coisas. É uma onda de energia cobrindo tudo que existe, levando esse tudo a algum lugar. Este lugar não se sabe, nem porque, mas eu acredito que ele é determinado pelo nosso próprio movimento, pelas nossas escolhas, pelo nosso pensamento. Os sentimentos são energias não pensadas, o pensar direciona e dá sentido a essas energias e Deus, na sua força de conduzir, nos leva a criar o destino. Não acredito em destino imutável, que nascemos com um roteiro determinado. Nascemos com um leque de possibilidades e/ou tendências, que de acordo com nossas escolhas elas se manifestarão ou não. Uma mudança em mim, ou numa escolha que eu faça, pode mudar o rumo da minha vida a qualquer momento, a qualquer instante, por isso não existe culpa, nem pecado que me condene eternamente a um infortúnio. Tudo é mutável, porque nós também somos.
Antes de Deus existir nada existia, era um sono profundo, sem sonhos, sem luz, sem cores, era um ponto de massa insignificante e tudo que hoje existe no universo se concentrava nesse ponto, toda a energia da criação existia no potencial desse ponto.Esse ponto é para mim o que muitos chamam de caos, o vazio. Existia um potencial criativo, possibilidades infinitas concentradas num único pontinho. O tempo e o espaço se concentravam nele. Deus era ele próprio, mas dormindo. Inerte. Imagino que se tudo fosse unido e concentrado viraria um pontinho minúsculo que do avesso é todo o cosmo, o universo. Até que um dia, Deus acordou, a luz se fez e se liberou toda a energia concentrada, tudo que antes eram possibilidades em potencial  se expandiu numa energia criando o espaço, o tempo, estrelas o universo,  todo o cosmo.  Poderia até dizer que Deus era um óvulo não fecundado. Bom, se  formos pensar sobre o que seria Deus nossa imaginação poderia viajar anos-luz, é mais fácil saber o que Ele não é. O mais importante é saber que de fato Ele existe, independente da forma que ele tenha, porque Ele tem todas as formas. Ele pode ser qualquer coisa que ele imaginar ser, e a imaginação de Deus é extensa e infinita, basta olhar em volta, a natureza. E somos sua imagem e semelhança, porque temos um Deus, um pontinho como aquele do início dentro de nós. Com potencial, com o poder de recriar e com mil possiblidades até desconhecidas, porque nossa imaginação também é infinita. Acho difícil alguém encontrar Deus sem encontra-lo primeiro em si próprio, por isso acho que a maioria dos devotos, cegos nas suas religiões são as almas mais perdidas que existem. Respondem mecanicamente a padrões, copiam, reprogramam suas mentes para serem perfeitos. Negam suas imperfeições e se afastam do seu Eu verdadeiro, do seu interior, do Deus dentro de si mesmo, este que é a imagem e semelhança do Outro, esse Eu superior que é essencialmente a mesma substância divina do Deus Uno.Deus existe, porém Ele não existe fora de nós mesmos. Fora de nós mesmos podemos observar suas obras, e só isso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s